Buscar
Notícias

06/03/2015 - COMUNICADO IMPORTANTE




Justiça determina imediato retorno às aulas de professores e funcionários



O desembargador Luiz Mateus de Lima, do Tribunal de Justiça do Paraná, determinou nesta quarta-feira (04) o retorno imediato às aulas de professores e funcionários.

Em caso de descumprimento, a multa diária será de R$ 20 mil. Os grevistas também estão proibidos de obstruir, de qualquer modo, o acesso a escolas ou a qualquer outro órgão público estadual ou de impedir o trabalho de outros servidores públicos. “A greve é extremamente prejudicial a milhares de estudantes, os quais estão sendo as maiores

vítimas”, afirma o desembargador na decisão. Para Mateus de Lima, “deve prevalecer o direito essencial/fundamental à educação (...). Os princípios da supremacia do interesse público e da continuidade dos serviços públicos se sobrepõem ao interesse particular (categoria profissional)”.

“Sempre que uma greve venha a comprometer o interesse da coletividade, ela deve ser considerada abusiva”, conclui o desembargador. “Não me parece justo e legal comprometer toda a sociedade, maior afetada nesse momento, pelo movimento paredista”.

A ação pela ilegalidade da greve foi da Procuradoria Geral do Estado (PGE). Na petição os procuradores sustentam que “o exercício do direito de greve deve respeitar outros direitos e garantias, especialmente quando levado a efeito no seio do serviço público” e não pode interromper serviços essenciais. A ação diz que a greve viola diversos preceitos legais e constitucionais.

O secretário-chefe da Casa Civil, Eduardo Sciarra, disse nesta quarta-feira que a decisão de recorrer à Justiça foi a forma encontrada para proteger os direitos da população paranaense. “É uma medida extrema, mas necessária. Não existe mais justificativa para a greve”, afirmou Sciarra. “Todas as questões financeiras, administrativas e da operação escolar estão atendidas.”

O secretário da Educação, Fernando Xavier Ferreira, disse que o Governo do Estado não deixará de cumprir nenhum dos acordos que foram firmados com o magistério. “Faço um apelo aos professores para que os estudantes não sejam ainda mais prejudicados. É fundamental retornar para o cumprimento do calendário escolar”, disse Xavier Ferreira.

A greve já dura 25 dias e já traz sérios comprometimentos para o ano letivo, que deve ser de, no mínimo, 200 dias por ano. Cerca de 970 mil estudantes da rede estadual e suas famílias são afetados diretamente.

AVANÇOS - O texto da ação enviada ao Tribunal de Justiça destaca ainda os avanços concedidos aos profissionais da educação nos últimos quatros: aumento de 60% nos salários da categoria; aumento de 75% na hora-atividade; e a aplicação de 37% das receitas estaduais no sistema de ensino do Estado.





06/03/2015 - ATENÇÃO - ORDEM DE SERVIÇO!


05/03/2015 - RETIFICAÇÃO - ATENÇÃO!!! SESSÃO PUBLICA - ORDEM DE SERVIÇO


03/03/2015 - ATENÇÃO!! CONVOCAÇÃO PARA ENTREGA DE DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS DO PSS PARA AGENTE EDUCACIONAL I E II

PARA ACESSAR OS EDITAIS Clique aqui

27/02/2015 - ATENÇÃO!!! ORDEM DE SERVIÇO PARA OS NOVOS CONCURSADOS!!

CLIQUE AQUI

07/02/2015 - ATENÇÃO!!!ATENÇÃO!!! CRONOGRAMA DE POSSE DOS CONCURSADOS!

Clique aqui para acessar


02/02/2015 - ATENÇÃO!!! CRONOGRAMA RETIFICADO DE DISTRIBUIÇÃO DE AULAS DO ANO LETIVO DE 2015!!

Clique aqui para acessar o cronograma retificado.


05/01/2015 - PSS 2015: ENTREGA DE DOCUMENTOS FORA DO PRAZO

Informamos aos candidatos PSS do Edital 76/2014 (Professor, Professor Pedagogo e Tils) do NRE de Campo Mourão, que PERDERAM O PRAZO para entrega da documentação, que poderão fazê-la a partir do dia 05/01/2015.


Saiba Mais...


19/12/2014 - PROJETO: SUSTENTABILIDADE DA ESCOLA AO RIO

Contando com a parceria entre a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Secretaria de Estado da Educação (SEED), Universidade Livre do Meio Ambiente (Unilivre) e Agenda 21, as professoras Maria Nelci e Angelita e os alunos do 1º ano do Ensino Médio, turmas A e B do Colégio Estadual Dr. Osvaldo Cruz participaram do Projeto: Sustentabilidade da Escola ao Rio. A escolha da escola se deu por estar localizada na região próxima ao rio do Campo, rio este que abastece 67% da população mourãoense.



Saiba Mais...




10/12/2014 - Solenidade Pública marca Posse da Diretoria da UMES 2015

Na tarde do último sábado (06/12), tomou posse a nova Diretoria da UMES (União Mourãoense dos Estudantes Secundaristas). A solenidade aconteceu no Auditório da Biblioteca Municipal Prof. Egydio Martello e contou com a presença das seguintes autoridades: Professora Sara Romeiro, do Núcleo Regional de Educação de Campo Mourão; Professora e Vereadora Vilma Teresinha; Cristiane Velho, representando a União Brasileira de Mulheres Campo Mourão;  Ironei de Oliveira, Presidente da APP Sindicato de Campo Mourão; Professor Wesley Ribeiro, ex-presidente da UMES; e Carlos André, representando a União da Juventude Socialista de Campo Mourão. Participaram ainda do evento Lenilda de Assis, Presidente do Conselho Municipal de Saúde; Josevar Pelisser, Diretor do Colégio Estadual Ivone Castanharo; Rosiely Oliveira, representando o Colégio Estadual Marechal Rondon; Carlos Singer e Raoni de Assis, ex presidentes da UMES, além de professores e alunos de outros Colégios Estaduais de Campo Mourão e pessoas da comunidade.




Saiba Mais...





TESTE 999

Calendário de Eventos
Março 2015
Add event Submeter evento
S T Q Q S S D
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          







Validador