Buscar
Educação do Campo



"Não vou sair do campo
 Pra poder ir pra escola.
Educação do Campo
É direito e não esmola"

(Gilvan Santos)



Coordenadora:
Madalena Sucheki
Telefone: (45) 3333-2826
Email: madalena@nrecascavel.com
             madalena@seed.pr.gov.br

Documentos para consulta


Diretrizes Curriculares Estaduais da Educação do Campo: As Diretrizes Curriculares para a Educação Pública do Estado do Paraná chegam às escolas como um documento oficial que traz as marcas de sua construção: a horizontalidade, que abraçou todas as Escolas e Núcleos Regionais de Educação do Estado e a polifonia, que faz ressoar nelas as vozes de todos os professores das Escolas Públicas Paranaenses.

CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO BÁSICA. RESOLUÇÃO CNE/CEB 1, DE 3 DE ABRIL DE 2002. Institui Diretrizes Operacionais para a Educação Básica nas Escolas do Campo.


ESC. ITINERANTE ZUMBI DOS PALMARES6ª JORNADA AGROECOLÓGICA

VÍDEO = IV Simpósio Estadual da Educação do campo de 2008 clique para acessar

Apresenta ações da Coordenação da Educação do Campo – SEED
“Eu quero uma escola do campo que não tenha cercas que não tenha muros, onde iremos aprender a sermos construtores do futuro”


TEXTO = A URBANIZAÇÃO RECENTE NO BRASIL E AS AGLOMERAÇÕES METROPOLITANAS
O texto auxilia a compreender o processo de esvaziamento do campo através do estudo da aglomeração urbana. Saiba mais ....

CARTILHA = Ziraldo-Agricultura Organica
A cartilha “O Olho do Consumidor” do Ministério da Agricultura trata dos Produtos Orgânicos no Brasil.
Saiba mais .....

TEXTO = Que Educação Básica para os Povos do Campo?

Miguel Arroio faz uma reflexão sobre os sujeitos do campo como construtores de sua própria história. Discute políticas públicas da educação do campo.
“ Essa dupla relação entre a construção dos sujeitos e a escola construindo esses sujeitos, tem que estar muito clara, porque se alguma coisa é grave no campo, insisto, é que ainda não temos uma infância reconhecida como sujeito de direitos nem uma adolescência, uma juventude e uma vida adulta reconhecidas como sujeito de direitos. Qual é o papel da escola na construção dessas identidades de sujeitos de direitos? Este tem que ser um pouco o norte de nossas políticas públicas da educação do campo”.
Saiba mais ....

PARA MAIS INFORMAÇÕES ENTRE NA PAGINA  DA COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO NO CAMPO .


ASSINE NOSSO
Guestbook
LIVRO DE VISITAS

Validador